terça-feira, 23 de junho de 2009

Teatro: São Pedro e São Paulo

Ano B – Dia de São Paulo e São Pedro – Mateus 16, 13-19•.
Emílio Carlos.

JOCA – (entra) Oi "gentiiiiiiiiiiii”.

CLARINHA – (entra) Oi pessoal!

CLARINHA – Vamos falar de hoje.

JOCA – Ah é mesmo! Hoje é um dia muito especial, gente!

CLARINHA – E é mesmo, Joca!

JOCA – É tão especial que chega a ser... Especial!

CLARINHA – É, Joca: conte pra todo mundo porque hoje é um dia tão especial.

JOCA – Ah, Clarinha: porque hoje é... Domingo!

CLARINHA – Certo, Joca: hoje é domingo. Mas tem outro motivo pra ser mais especial ainda.

JCOA – Sério, Clarinha?

CLARINHA – Ô Joca: você não presta a atenção na missa não, é?

JOCA – Claro que sim, Clarinha.

CLARINHA – Então Joca: hoje é um dia especial porque...

JOCA – Já sei, já sei! Porque hoje tem festa junina! Êêêêêêê! Acertei?

CLARINHA – Quase, Joca. Hoje é um dia especial e tem festa. Mas por que?

JOCA – Por que o que, Clarinha? Se tem festa já está bom.

CLARINHA – Mas por que tem festa junina hoje?

JOCA – Por que é junho?

CLARINHA – É, Joca. É porque é junho. Mas é também porque hoje é dia de São Paulo e São Pedro!

JOCA – Aaaahhhhh!!! !.... Eu já sabia.

CLARINHA – Por isso a nossa igreja está em festa hoje, Joca.

JOCA – Que legal, hein Clarinha?

CLARINHA – É, legal.


JOCA – Festa, né?

CLARINHA – É.

JOCA – (sem jeito) Pois é.

CLARINHA – Ô Joca: explica para as crianças quem foi São Pedro e quem foi São Paulo.

JOCA – São dois santos, ué?

CLARINHA – Mas... Explica mais.

JOCA – Bem... é que... tipo assim, né?... Rê.

CLARINHA – Você não prestou atenção na catequese ontem, né Joca?

JOCA – Eu faltei, lembra?

CLARINHA – Pois é, né seu Joca? Faltou e perdeu a explicação da Tia Clarice.

JOCA – Pior que foi.

CLARINHA – São Pedro foi o primeiro Papa da nossa igreja. Olha São Pedro aí.

(Entra cartaz com a ilustração de São Pedro junto a Jesus).

JOCA – O primeiro Papa, Clarinha?

CLARINHA – É, Joca. Jesus deu esta missão a São Pedro. Jesus disse assim:

JESUS – (voz em off) Tu és Pedro e sobre ti construirei minha igreja.

CLARINHA – Viu só?

JOCA – Olha que legal Clarinha. Quer dizer que nossa igreja vem direto de Jesus!?

CLARINHA – Isso mesmo, Joca.

JOCA – Ôba! E São Paulo?

CLARINHA – São Paulo também é muito importante para nós, Joca.

JOCA – Por que, Clarinha?

(Entra cartaz com ilustração da conversão de São Paulo).

CLARINHA – Paulo não gostava dos cristãos. Mas um dia ele estava andando numa estrada e viu uma luz forte, muito forte. Era Jesus que estava ali.

JOCA – Olha só, gente!

CLARINHA – E Jesus disse assim para Paulo:

JESUS – (voz em off) Paulo, Paulo: por que me persegues?

CLARINHA – Paulo sentiu a presença de Jesus e então se converteu. Daí passou a falar de Jesus por toda parte. Paulo levou as palavras de Jesus por muitas cidades e lugares.

JOCA – São Paulo também gostava de escrever cartas, né Clarinha?

CLARINHA – É, Joca. São Paulo escrevia falando de Jesus. E suas cartas são lidas até hoje na igreja.

JOCA – Até hoje?

CLARINHA – É, Joca.

JOCA – Mas hoje, hoje mesmo, ninguém leu, né?

CLARINHA – Claro que sim, Joca: a carta de São Paulo foi lida antes do Evangelho.

JOCA – Tá certo, Clarinha: eu decidi.

CLARINHA – O que, Joca?

JOCA – Vou prestar mais atenção à missa. Sabe: eu estou perdendo um monte de coisas legais.

CLARINHA – Está mesmo, viu Joca?

JOCA – Gente: vamos dar um viva pra São Pedro!

CLARINHA – Viva!

JOCA – Mais forte: viva São Pedro!

CLARINHA – Viva!

JOCA – Viva São Paulo!

CLARINHA – Viva!

JOCA – Tchau pra vocês!!

CLARINHA – Tchau!

JOCA – Tchau pra vocês!!

CLARINHA – Tchau! Tchau!

Um comentário:

Simone Assis disse...

eii.. encontrei seu blog por acaso e adorei!! sou catequista tb!!! bjos, Deus te abençoe!!